Páginas

quarta-feira, 8 de junho de 2016

RESENHA: "Sádka Utopia Convergente" - SUC

Sádica Utopia Convergente é trabalho auto intitulado do S.U.C, gravado no porão do Pé de Macaco, casa esta responsável por realizar lindíssimos trabalhos de áudio visual para bandas do underground, incluindo esta que resenhamos.
O Ep, que é o primeiro registro da banda, chega com 6 composições que nos levam aos primórdios do grindcore punk, a principio, é impossível não visualizar SCUM do Napalm Death e profundas influencias do ROT, reis do estilo no Brasil.
"Suprema covardia" dá inicio aos trabalhos com muita competência, em sua curta duração a banda despeja riffs e vocais certeiros, na sequencia temos "Desgraça", "Enquanto eles agonizam" e "Corporation Slaves" dando o tom do grind, "Vidas desumanas" e a "Causa é a mesma" encerram a pancadaria. O destaque fica para a vocalista Letícia, gostamos muito, principalmente no acerto cirúrgico dos urros junto aos riffs.
Ficamos com a sensação que o trabalho foi gravado ao vivo, não sei, pelo menos pareceu, as músicas passam tranquilamente pelo "crivo" do grind, como dito anteriormente, remetem a fase mais exaltada dos mestres do estilo. Um acerto ali na execução, outro na produção e teremos um fiel representante do melhor da podreira brasileira.
A arte da capa ficou a encardo de Guilherme Sousa.


Nota: 7,5 Mais sobre a banda: https://www.facebook.com/SxUxCxband