Páginas

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

RESENHA: Nobody Brings My Coffin Until I Die - Bandanos

O Bandanos é uma banda que dispensa apresentações, parte do underground há uns 12 anos, os caras são figura carimbada em inúmeros festivais no país.
A linha é um crossover mais calcado em riffs punks, o vocal segue a mesma linha do primeiro disco (O excelente We Crush your mind), ou seja lembrando a todo tempo o nosso querido Blaine Cook do The Accused!!
Quem acompanha a banda sabe que a formação da banda sabe que recentemente eles tiveram mudanças na formação, os novos interegrantes (Helder (batera), Lauro(Baixo)), chegam trazendo uma nova energia a banda, nesse novo disco o Bandanos insere algumas passagens mais cadenciadas em alguns de seus sons!
A produção fica mais uma vez a cargo do Ciero do estúdio DaTribo, uma produção correta, com um som que mesmo sujo soa muito bem gravado, provavelmente gravado de forma analógica.
Destaque ao meu gosto pessoal fica para a excelente Bay Aerea Seduction, com quebras de ritmo, com um riff simples porém eficaz! Começando com um ritmo bem pesado, com uma condução certeira na cúpula do prato.
Da banda não há como não destacar o guitarrista Marcelo Papa, que carrega a identidade da banda nos riffs.
Único ponto negativo da bolachinha (ou do bolachão, caso vc tenha adquirido o vinil) ficam a cargo dos backing vocals, que parecem meio baixos e as vezes até meio desanimados, mas nada que ofusque esse excelente lançamento!
Faz o seguinte, não fica morgando, os caras estão tocando em todo o canto do Brasil, e vc pode ouvir o disco inteiro no YouTube antes de adquirir sua cópia física!! Corre logo lá, vc não vai se arrepender.

Nota: 8,54741

Links relacionados:

https://www.facebook.com/bandanoscrossover
http://bandanos.bandcamp.com/