Páginas

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

RESENHA: "Pata de Camelo" - Crotchrot



























Aos fãs de GoreGrind, a banda curitibana CrotchRot tráz um prato cheio de nojeiras e bom humor, a começar pelo nome da banda: “CROTCHROT – Aroma pungente oriundo da região do púbis genital característico de quem tem doença venérea em progressão”. A banda que é composta por duas mulheres (Angela e Cyntia) e dois homens (Muringa e Leonardo) traz blasts, d-beats e diversão garantida com suas letras.

O EP Pata de Camelo começa com uma introdução em funk para o som Orgia de Crackudo. A música é rápida, com batidas empolgantes. O som seguinte, "Fetixaria", caminha para um GoreGrind mais tradicional, caracterísca qual encontraremos no restante do EP. Na sequência, temos "Molho Madeira", da qual destacamos o vocal menos grave (que não sabemos identificar se são do vocalista Muringa ou de algum outro integrante da banda). Você confere ainda "Kid Bengala", "Cachorro Transante" e "Meritocalcinha" que possuem letras engraçadas e politicamente incorretas. A música "Pata de Camelo" que entitula o trabalho, é com certeza o grande destaque. A subversão chega ao fim com Porntube e Rompeprop.

A produção e mixagem ficou a encardo de Fabio Gorresen (Flesh Grinder/Zombie Cookbook), ou seja, só poderia vir coisa boa.

Nota: 8.2

Mais sobre a banda:
https://www.facebook.com/crotchrotgoregrind
https://crotchrotgoregrind.bandcamp.com